Locais de Histórias Perdidas da Lusitânia – Castro de Carvalhelhos

“O sol iluminava a manhã fazendo brilhar o orvalho que cobria as ervas do pequeno prado junto ao rio, mas a temperatura baixa lembrava que a Primavera ainda levaria algum tempo a chegar. Anio gostava de acordar cedo e percorrer as margens do curso de água que atravessava o povoado, na companhia de Zimbro, um lobo que adoptara quando tinha ainda poucos meses de vida.”

O Castro de Carvalhelhos serviu de cenário a alguns dos episódios narrados em O Veneno de Ofiúsa, correspondendo nesta história ao povoado de Anio e Camal. Situado junto à povoação transmontana de Carvalhelhos (concelho de Boticas), encontra-se num razoável estado de conservação e está envolvido por uma paisagem de beleza invulgar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: